Como conseguir um emprego no Brasil sendo um estrangeiro

No dia 22 de dezembro foi publicada no Diário Oficial da União a Resolução nº 124 de 13/12/2016 que autoriza o visto de trabalho de estrangeiros e que já está em vigor.

Antes disso, os vistos de trabalho eram emitidos apenas se o aluno tinha uma oferta de trabalho da empresa e o processo de visto era burocrático. Ter a oportunidade de solicitar o visto de trabalho enquanto ainda está no Brasil certamente facilitará o processo para os estudantes internacionais que recebem uma oferta de trabalho enquanto estão aqui. Mas a conversão do visto dos estudos para o tipo de trabalho não será automática. Os estudantes deverão enviar o pedido à Coordenação Geral da Imigração (CGIG) do Ministério do Trabalho, que analisará os casos e emitirá as autorizações. Os estudantes nos seguintes cenários podem solicitar a transformação da sua condição migratória em trabalho temporário:

  • I-no final de um curso de graduação ou Pós-Graduação concluído no Brasil, no todo ou em parte; e
  • II-durante a graduação ou pós-graduação no Brasil.

O pedido para a transformação pode ser feito após seis meses do início do curso de graduação ou pós-graduação no Brasil e dentro de doze meses após o final do curso. O Ministério tem um tutorial para ensinar como proceder a solicitação na web migrante, para usar o site você terá que ter um símbolo de segurança especial que você pode comprar em Correios (correios brasileiros) por volta de R$ 100,00. Para quem queira permanecer no país depois da data será preciso fazer um requerimento mais longo, burocrático e mais caro que lhe garanta a carta de permanência.

Entre as condições de permanência está o fato de que a função estabelecida no contrato de trabalho do aluno está relacionada ao currículo do curso que está sendo realizado no Brasil. O novo status de imigração do estrangeiro será válido por um ano e pode ser prorrogado para a duração do curso, dentro do prazo estipulado pela instituição de ensino

You May Also Like

About the Author: atores

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *